Você está em: Município»História

História

A cidade de Rodeio recebeu esse nome após seus desbravadores perceberem que só andavam em círculo. Esta derivação torna-se mais forte, quando olha-se para as montanhas, que formam uma espécie de vale rodeado de grandes montanhas. Rodeio tornou-se município em maio de 1937. Situada no Médio Vale do Itajaí (região habitada majoritariamente por descendentes de alemães), Rodeio tem cerca de 80% de seus habitantes de ascendência italiana, mais precisamente trentina (tiroleses de língua italiana). Os imigrantes tiroleses começaram a chegar no Vale do Itajaí em 1875, incentivados por Doutor Blumenau; oriundos da região de Trento, no antigo Império Austro-húngaro, chegaram a Brasil com passaporte austríaco mas eram falantes do idioma italiano (principalmente do dialeto trentino).

O Tirol é uma região alpina que se localiza atualmente entre a Áustria e a Itália. Até 1918, formava um estado único, ligado ao Império Austro-húngaro. Até 1810, era um condado (Condado Episcopal do Tirol), unido ao Sacro Império Romano-germânico (chefiado pelo imperador austríaco). A região trentina de língua italiana pertencia ao Condado do Tirol, mas era administrada pela Igreja, formando o Principado Episcopal de Trento. Enquanto na maior parte da região tirolesa o idioma principal é o alemão, na região meridional (Trentino), o idioma predominante é o italiano. Durante a Primeira Guerra Mundial, os trentinos lutaram no exército austríaco, mas a grande parte dos imigrantes tiroleses que vieram para o Brasil vieram durante o período de crise que antecedeu o terrível conflito. A Primeira Guerra deixou marcas profundas na região trentina e findada a guerra e desfeito o Império Austro-húngaro, a porção sul do Tirol foi anexada à Itália e dividida em duas províncias: Alto Adige ou Südtirol, ao norte (onde predomina o idioma alemão), e Trentino, ao sul (onde predomina o idioma italiano). Atualmente, ambas as províncias gozam de um estatuto de autonomia que lhes garante preservar na Itália suas características políticas, culturais e sociais. Juntas, as províncias formam a Região Autônoma Trentino-Alto Adige/Südtirol.

 

Cultura

 

Vários aspectos da cultura tirolesa são mantidos em Rodeio. Costumes do cotidiano, o dialeto trentino, culinária, cantos e danças. Um dos maiores atrativos de Rodeio é a Festa La Sagra que no ano de 2006 comemorou a sua décima-oitava edição. A festa ocorre em setembro e atrai um grande público. São dez dias de comemorações e festejos tradicionais regados a bons vinhos e comidas típicas, apresentações de grupos folclóricos e bandas. O vinho é indispensável para o povo de Rodeio, característica da cultura trentina.

© 2017 - Desenvolvido por Lancer